A APRENDIZAGEM ATIVA NA FORMAÇÃO DE UMA LIDERANÇA PARTICIPATIVA E DEMOCRÁTICA NAS EMPRESAS

  • Alessandro Rossini PUC-SP
  • Fernando José Lopes PUC-SP

Resumo

A aprendizagem ativa na formação de uma liderança participativa e democrática nas empresas visa demonstrar uma proposta de trabalho com foco em uma liderança mais eficiente e eficaz a partir da aprendizagem ativa. A ideia é que as equipes de alta performance trabalhem com enfoques relacionados a modelos de liderança cognitivos e transacionais, utilizando a aprendizagem ativa como referência para desenvolver liderança participativa e democrática nas empresas. A proposta metodológica está baseada em um estudo exploratório com base descritiva acerca do referencial teórico que sustenta a investigação. Por meio da troca de informações entre os indivíduos de uma equipe se busca a liderança equilibrada, que motiva os colaboradores e, ao mesmo tempo, estimula a colaboração na produtividade a partir do conhecimento das novas formas de liderança organizacional.

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##
Prof, Pós Doc. em Administração, Doutor em Comunicação e Semiótica, Mestre em Administração. Organização/Planejamento Estratégico/PUC-SP, Pós-graduação em Administração, Graduado em Física e Processos Gerenciais. Graduação e Pós, Administração, Educação e Comunicação/TI CV lattes: http://lattes.cnpq.br/5109240355917713
##submission.authorWithAffiliation##
Mestre em Cognição e Semiótica PUC-SP, pós-graduado em Gestão de Pessoas. Graduado em Administração pela FICS. Professor dos cursos de gestão, graduação e pós-graduação na FICS Campos Salles, Faculdade Flamingo nos cursos de gestão e pós-graduação na Universidade Paulista (UNIP).

Referências

ALEGRETTI, Sonia Maria Macedo. Diversificando os ambientes de aprendizagem na formação de professores para o desenvolvimento de uma nova cultura. Tese de Doutorado PUC: São Paulo, 2003.

BECKER, Fernando. A epistemologia do professor: o cotidiano da escola. 14.ed Rio de Janeiro:Vozes, 2009.

BERBEL, Neusi Aparecida Navas. As Metodologias Ativas e a Promoção da Autonomia de Estudantes. Semina: Ciências Sociais e Humanas, Londrina, v. 32, n. 1, p. 25-40, jan./jun. 2011.

BERGAMINI, C. W. O líder eficaz. São Paulo: Atlas, 2009.

BORDENAVE J, Pereira A. A estratégia de ensino aprendizagem. 26. ed. Petrópolis: Vozes, 2005.

CASTILHO, R. Ensino a distância EAD: Interatividade e método. São Paulo: Atlas, 2011.

COLL, Cesar; PALACIOS, Jesús; MARCHESI, Alvaro. Desenvolvimento Psicológico e Educação. Vol. 2. 2.ed. Porto Alegre: Artmed, 2004.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia. 27. ed. São Paulo: Paz e Terra, 2003.

GIL, Antônio, C. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2010.

LOPES, F. J. Teorias da aprendizagem construtivistas: uma proposta de ensino utilizando ambientes virtuais de ensino aprendizagem para propor uma abordagem construtivista no ensino presencial. Dissertação de Mestrado, PUC, São Paulo, 2013.

MARINHO, R. M.; OLIVEIRA, J. F. (org.). Liderança: uma questão de competência. São Paulo: Saraiva, 2006.

MARQUARDT, M. J. O poder da aprendizagem pela ação: como solucionar problemas e desenvolver líderes em tempo real. Tradução Anna Lobo. Rio de Janeiro: Senac Rio, 2005.

MASLOW, A. H. Maslow no gerenciamento. Rio de Janeiro: Qualitymark, 2000.

MITRE, S. M. (et.al) Metodologias ativas de ensino-aprendizagem na formação profissional em saúde: debates atuais, Ciência & Saúde Coletiva, 2008.

MOREIRA, Marco Antonio; MASINI, Elcie F. Salzano. Aprendizagem significativa: a teoria de David Ausubel, São Paulo: Centauro, 2009.

PORTILHO, Evelise. Como se Aprende? Estilos, estratégias e metacognição. Rio de Janeiro: WAK Editor, 2009.

RABECHINI JR., R. O gerente de projetos na empresa. 3.ed. São Paulo: Atlas, 2011.
REIS, L. R. M. (2010). Estratégias de Aprendizagem Ativa para Reduzir o Fracasso Escolar: Papel Psicopedagogo. Brasília. http://proerdpmdf.files.wordpress.com/2010/07/aprendizagem -ativa1.pdf acessado dia 26/06/2014
Publicado
2016-07-09
Como Citar
ROSSINI, Alessandro; LOPES, Fernando José. A APRENDIZAGEM ATIVA NA FORMAÇÃO DE UMA LIDERANÇA PARTICIPATIVA E DEMOCRÁTICA NAS EMPRESAS. Augusto Guzzo Revista Acadêmica, São Paulo, n. 17, p. 159-172, july 2016. ISSN 2316-3852. Disponível em: <http://fics.edu.br/index.php/augusto_guzzo/article/view/331>. Acesso em: 23 sep. 2020. doi: https://doi.org/10.22287/ag.v1i17.331.

Palavras-chave

liderança participativa; aprendizagem ativa; transacional