A Gestão de Recursos Humanos nos Call Centers

O desafio de gerir pessoas como recursos mais importantes que os tecnológicos

  • Lilian Maria de Souza Faculdades Integradas Campos Salles

Resumo

Este artigo trata da importância atribuída à gestão dos Recursos Humanos nas empresas prestadoras de serviços de Call Center. Considera que a Gestão de Recursos Humanos pode ser mais desafiadora neste setor do que em uma indústria, por exemplo, à medida que precisa contribuir para o desenvolvimento dos negócios. A pesquisa que originou este artigo compreendeu duas etapas: A primeira foi uma investigação sobre a gestão de recursos humanos num contexto geral e outra especificamente sobre o segmento de negócios que atua com centrais de chamadas, denominado Call Center. Trata-se de um dos segmentos envolvidos em elevada competitividade de mercado, que cresce em nível internacional, precisa de um perfil diferenciado de pessoas e estrutura tecnológica. Ao final dos estudos, foi possível evidenciar os desafios da Gestão de RH nos call centers.

Referências

ABESA – Associação Brasileira das Empresas de Serviços de Assistência 24 Horas, São Paulo, 2002.
ABT – Associação Brasileira de Telemarketing, São Paulo, 2002.
CALL CENTER Solution, Congresso sobre Soluções para Call Center, São Paulo, Expo Center, Junho 2002.
CANTERO, Christye, Talentos Humanos, Revista Consumidor Moderno, ed. 60, 2002.
CASTELLIANO, Tânia e FERREIRA, Norberto. Telemarketing 100%, R. J, Record, 1998.
DANTAS, Edmundo B. Marketing Descompilado. Distrito Federal, Senac, 2005.
DENKER, Ada de F. M. e VIÁ, Sarah C., Pesquisa Empírica em Ciências Humanas, São Paulo, Futura, 2001.
KOTLER, Philip; KELLER, Lane. Administração de Marketing. 12ª ed. São Paulo: Prentice Hall,2006.
MARTINS, Sergio Pinto, A Terceirização e o direito do Trabalho, São Paulo, Atlas, 2000.
MARTINS, Leandro. Marketing-Como se tornar profissional de sucesso. São Paulo. Editora Digerati, 2006 (Coleção Treinando Executivo.
MATOZO, Luciano, Call Center: modismo ou realidade? Rio de Janeiro, Record, 2000.
MARTIN, Ana Luiza, Gestão de Recursos Humanos no Call Center, Revista Tele Serviços ABT Publicações, ed.43, Julho 2002.
MELLO, Álvaro, Teletrabalho(Telework), Rio de Janeiro, Qualitumark, 1999.
MILKOVICH, George T. e BOUDREAU, John W., Administração de Recursos Humanos, São Paulo, Atlas, 2000.
PADILHA, Marcos Lopes e MATUSSI, Piero G. V., Análise Setorial Call Center-Estrutura e Mercado, Gazeta Mercantil, 2002.
PEPPERS, Don e ROGERS, Martha, CRM Series-Call Center 1to1, São Paulo, Makron Books, 2001.
REVISTA BRASILEIRA DE GEOGRAFIA. Rio de Janeiro: IBGE, 1939- . Trimestral.
SBA- Sociedade Brasileira de Atendimento LTDA, 2001 e 2002.
SEVERINO, Antonio Joaquim, Metodologia do Trabalho Científico, São Paulo, Cortez, 2000.
SINTRATEL, Sindicato dos Trabalhadores em Telemarketing, Convenção Coletiva de Trabalho, Maio 2002.
SOUZA, Joel Dutra, Gestão Por Competência: um modelo avançado para o gerenciamento de pessoas, São Paulo, Gente, 2001.
SOUZA, Lilian M. de, A Importância da Gestão de Recursos Humanos na Visao dos Executivos de Call Center, (Dissertação de Mestrado, Centro Universitário FIEO), São Paulo, 2003.
. Tellus do Brasil LTDA., 2002 a 2003.
Publicado
2017-06-30
Como Citar
SOUZA, Lilian Maria de. A Gestão de Recursos Humanos nos Call Centers. Augusto Guzzo Revista Acadêmica, São Paulo, v. 1, n. 19, p. 395-412, june 2017. ISSN 2316-3852. Disponível em: <http://fics.edu.br/index.php/augusto_guzzo/article/view/359>. Acesso em: 24 nov. 2017. doi: https://doi.org/10.22287/ag.v1i19.359.