Modelo Heurístico para a Mediação Infocomunicacional e Partilha de Conhecimento em Ecossistemas Cicláveis

  • Rafael Guedes Universidade de Aveiro
  • Óscar Mealha Universidade de Aveiro
  • Joaquim Baptista Câmara Municipal da Murtosa

Resumo

Este artigo apresenta um estudo exploratório sobre o uso da infocomunicação mediada tecnologicamente na fruição dos ecossistemas cicláveis. O trabalho parte de um levantamento bibliográfico de caráter teórico-técnico seguido de um estudo empírico como base para uma proposta de um modelo heurístico ("BIKE") para a mediação e partilha de conhecimento em ecossistemas deste género. É ainda apresentada uma representação técnica do modelo através de um protótipo de baixa fidelidade com interface gráfica detalhada e com simulação das suas funcionalidades. O modelo e o protótipo em questão são consequência do estudo empírico suportado por entrevistas semi-estruturadas que decorreram no ecossistema que envolve a ciclovia da Murtosa - uma vila do distrito de Aveiro em Portugal. Esta investigação empírica pretendia captar um quadro de necessidades particulares, em contexto real de uso, no lugar estudado e que permitisse conceptualizar o modelo e o protótipo aqui discutidos.

Publicado
2016-12-26
Como Citar
GUEDES, Rafael; MEALHA, Óscar; BAPTISTA, Joaquim. Modelo Heurístico para a Mediação Infocomunicacional e Partilha de Conhecimento em Ecossistemas Cicláveis. Augusto Guzzo Revista Acadêmica, São Paulo, v. 1, n. 18, p. 161-180, dec. 2016. ISSN 2316-3852. Disponível em: <http://fics.edu.br/index.php/augusto_guzzo/article/view/389>. Acesso em: 17 dec. 2017. doi: https://doi.org/10.22287/ag.v1i18.389.