La Efectividad del Aprendizaje Experiencial

  • Maritza Guzmán Matamala Universidad de La Frontera

Resumo

O presente artigo apresenta alguns dos fatores que influenciam a formação de aprendizagem a partir de uma educação experiencial. A descrição ea análise realizadas neste trabalho disponibilizam aos leitores extratos de uma temática que se abre em diversos contextos latino-americanos referindo-se a uma perspectiva que explica de forma diferente a forma de construção do conhecimento e que deixa de ser tradicional pela metodologia Que isso se destina a ser realizado. Serão consideradas origens, elementos e ciclos de aprendizagem experiencial a fim de ampliar a visão de um tópico que está se tornando mais forte. Abordaremos a compreensão da eficácia que este tipo de aprendizagem tem e, ao mesmo tempo, o impacto que ela exerce sobre a construção do sujeito.

Publicado
Dec 26, 2016
Como Citar
MATAMALA, Maritza Guzmán. La Efectividad del Aprendizaje Experiencial. Augusto Guzzo Revista Acadêmica, São Paulo, v. 1, n. 18, p. 103-109, dec. 2016. ISSN 2316-3852. Disponível em: <http://fics.edu.br/index.php/augusto_guzzo/article/view/407>. Acesso em: 17 aug. 2017. doi: http://dx.doi.org/10.22287/ag.v1i18.407.