Aplicação das Normas de Contabilidade no Setor de Empreendimento Imobiliário no Brasil

  • Manuel dos Santos Leitão FICS - Faculdades Integradas Campos Salles
  • Adeildo Paulino FICS
  • Estela Rodrigues Ramos Santana FICS
  • Antonio Dirceu Marques FICS
  • Juliana Gonçalves da Silva Souza FICS
  • Silvia Alves de Oliveira FICS

Resumo

O artigo expõe o reconhecimento das receitas utilizando o CPC 30 e CPC 17 dos empreendimentos imobiliários no Brasil. Com o crescimento do mercado imobiliário brasileiro, surge o interesse por parte dos investidores externos, porém por este setor utilizar uma forma de contrato diferenciado dos outros países, todavia firmam contratos antes do início da construção (na planta), as empresas brasileiras passam por dificuldades em demonstrar sua “contabilidade”, pois para que sejam compreendidos, os outros países precisariam traduzir essas demonstrações contábeis. Nesse momento surgem os CPCs convertendo IFRS, e que visam harmonizar a contabilidade brasileira em relação aos outros países adeptos às normas. Neste artigo foram expostos os conflitos existentes no reconhecimento da receita das incorporadoras imobiliárias. No Brasil é utilizado o CPC 17, onde as receitas, custos e despesas são reconhecidos de acordo com o percentual de execução da obra, isso ocorre porque as incorporadoras alegam ser prestadoras de serviços devido sua essência econômica, o que possibilita o método utilizado, porém elas vendem esses empreendimentos imobiliários, o que as obrigaria a reconhecer as receitas e custos na entrega das chaves, pelo CPC 30, ou seja, no final da obra. Será exposto os conflitos da norma com a necessidade da criação de interpretações e orientações ao CPC, o posicionamento do IBRACON e da CVM, e o impacto no resultado das incorporadoras imobiliárias aplicando os CPCs 17 e 30.

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##

Mestre, Coordenador e Professor do Curso de Ciências Contábeis das Faculdades Integradas Campos Salles.

##submission.authorWithAffiliation##

Professor Mestre do Curso de Ciências Contábeis das Faculdades Integradas Campos Salles

##submission.authorWithAffiliation##

Ciências Contábeis nas Faculdades Integradas Campos Salles. Atuou profissionalmente no departamento Contábil de W.A Donadon Contabilidade – ME até 2016

##submission.authorWithAffiliation##

Professor Mestre do Curso de Ciências Contábeis das Faculdades Integradas Campos Salles

##submission.authorWithAffiliation##

Ciências Contábeis nas Faculdades Integradas Campos Salles. Atua profissionalmente no departamento Contábil de Bdo RCS Auditores e Consultores Ltda. Até 2017

##submission.authorWithAffiliation##

Ciências Contábeis nas Faculdades Integradas Campos Salles. Atuou profissionalmente no departamento Contábil de Gaap Auditores e Consultores Ltda. desde 2013

Referências

CONGRESSO USP FIPECAFI. Contabilidade no Setor Imobiliário Residencial: Um Estudo Exploratório da Visão dos Impactos da Convergência das Normas Brasileiras Com Normas Internacionais – Ifrs Para Alguns Segmentos de Mercado. São Paulo: USP, nov. 2011. Disponível em: . Acesso em: 24 out. 2017.
CPC - Comitê de Pronunciamentos Contábeis. Consulta aos Pronunciamentos. Disponível em: . Acesso em: 28 out. 2017.
______. Disponível em: . Acesso em: 27 out. 2017.
______. Disponível em: . Acesso em: 15 out. 2017.
______. Disponível em: . Acesso em: 19 out. 2017.
______. Disponível em: . Acesso em: 20 out. 2017.
______. Disponível em: . Acesso em: 21 out. 2017.
______. Disponível em: . Acesso em: 23 out. 2017.
CVM - Comissão de Valores Mobiliários. Disponível em: . Acesso em: 24 out. 2017.
IBRACON - Instituto de Auditores Independentes do Brasil. Disponível em: . Acesso em: 26 out. 2017.
IUDÍCIBUS, Sérgio de.Teoria da Contabilidade. 5. ed. São Paulo: Atlas,1997. 338 p.
REVISTA CONTEMPORÂNEA DE CONTABILIDADE. O método de reconhecimento de receita adotado pelas entidades de incorporação imobiliária brasileiras compromete a comparabilidade das demonstrações financeiras?. Florianópolis: UFSC, p. 03-24, set./dez. 2013. ISSN 2175-8069.
Disponível em: . Acesso em: 24 out. 2017.
SANTOS, Cleônimo dos. Contabilidade na Atividade Imobiliária. 3. ed. São Paulo: IOB Sage, 2015. 312 p.
SOUSA, Edmilson Patrocinio de. Contabilidade de Contratos de Construção e de Incorporação Imobiliária. São Paulo: Atlas, 2015. 150 p.
TORRES, FERNANDO. Balanço de construtora deve ter ressalva. Valor Econômico. São Paulo, 03 fev. 2011. Disponível em: . Acesso em: 26 out. 2017.
VALOR ECONÔMICO. Alterações ainda podem ser evitadas. São Paulo 05, maio 2010, Disponível em: . Acesso em: 26 out. 2017.
Publicado
2018-11-19
Como Citar
LEITÃO, Manuel dos Santos et al. Aplicação das Normas de Contabilidade no Setor de Empreendimento Imobiliário no Brasil. Augusto Guzzo Revista Acadêmica, São Paulo, v. 1, n. 21, p. 137-156, nov. 2018. ISSN 2316-3852. Disponível em: <http://fics.edu.br/index.php/augusto_guzzo/article/view/616>. Acesso em: 11 dec. 2018. doi: https://doi.org/10.22287/ag.v1i21.616.