AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA EM UM CURSO DE ADMINISTRAÇÃO CONTEMPORÂNEO

  • Mauro Maia Laruccia Universidade de Sorocaba (UNISO), Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUCSP) e Faculdades Integradas Campos Salles.
  • Ana Maria Jansen Matias Faculdades Integradas Campos Salles

Resumo

Este trabalho teve como objetivo discutir as contribuições da realização da graduação a distância na formação de estudantes. A pesquisa contemplou dados correspondentes ao tipo de curso considerado, sobre a facilidade de comunicação e interação, facilidade e frequência de utilização de tecnologias, sobre o perfil dos respondentes, e por fim, sobre a contribuição do curso a distancia na sua formação e analisou 126 respostas abertas referentes ao processo de ensino-aprendizagem. A pesquisa revelou que, de forma geral, a EaD contribuiu para formação do aluno. Constatou-se que a EaD é valorizada por boa parte dos alunos por possibilitar o acesso ao ensino superior por motivos diversos: a distância da moradia de instituições de ensino superior; questões relacionadas a dificuldades financeiras e/ou familiares, entre outros. Por fim, boa parte dos participantes elogia esta modalidade de ensino, mas poucos se posicionam quanto ao processo de ensino-aprendizagem e à qualidade do curso oferecido

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##
Pós doutorado em comunicação, doutor  comunicação e semiótica pela PUCSP, graduado e especializado em comunicação. Pesquisador e editor de revistas acadêmicas Qualis, é professor de graduação e mestrado. Atua na academia e no mercado de comunicação em São Paulo
##submission.authorWithAffiliation##
Graduada em Administração e mestre em Comunicação e Educação, Professora de Administração nas Faculdades Integradas Campos Salles/SP desde 2010 e na Faculdade Carlos Drummond de Andrade/SP desde 2008. Professora e Coordenadora do curso de Administração na Faculdade São Luís/SP

Referências

ANTUNES, A. Aceita Um Conselho?: Como Organizar o Colegiado Escolar. São Paulo: Cortez, 2002.
ARANHA, M. L. DE A. História da educação e da pedagogia: geral e Brasil. São Paulo: Moderna, 2006.
ATHIYAMAN, A. Linking student satisfaction and service quality perceptions: the case of university education. European Journal of Marketing, v. 31, n. 7, p. 528–540, 1997.
CARSON, D. Qualitative marketing research. London; Thousand Oaks, Calif.: Sage Publications Ltd, 2001.
CASTELLS, M. A sociedade em rede. São Paulo: Paz e Terra, 2007.
CURWIN, J.; SLATER, R. Quantitative methods for business decisions. London: South-Western Cengage Learning, 2008.
GADOTTI, M. Pedagogia da terra. São Paulo: Editora Fundação Peirópolis, 2000.
HILSDORF, M. L. S. História da educação brasileira: leituras. São Paulo: Thomson, 2003.
HORA, D. M.; GONÇALVES, R. R.; COSTA, W. DA. A construção de uma proposta para o Estágio Supervisionado na modalidade a distância DOI: 10.5585/EccoS.v10i1.943. EccoS – Revista Científica, v. 10, n. 1, p. 125–142, 2008.
KENSKI, V. M. Tecnologias e ensino presencial e a distância. Campinas: Papirus, 2006.
LARUCCIA, M. M. Da Organização Virtual à Organização Atual. Pensamento & Realidade, v. 8, n. 1, p. 91–118, 2004a.
LARUCCIA, M. M. Notas sobre linguagem, comunicação e educação. Pensamento & Realidade, v. 15, n. 1, p. 84–106, 2004b.
LARUCCIA, M. M.; ALMEIDA, R. DE; RUIZ, T. T. O Desenvolvimento das Habilidades e Competências Profissionais de um Grupo de Estudantes de Administração. InterSciencePlace, v. 3, n. 11, p. 142–165, 2010.
LARUCCIA, M. M.; MELO, E. M. DE. A Percepção da Linguagem nas Relações Professor-Aluno. Pensamento & Realidade, v. 24, n. 2, 2009.
LIMA, M. C. Monografia: A Engenharia da Produção Acadêmica. São Paulo: Saraiva, 2004.
LÜDKE, M.; ANDRÉ, M. E. D. A. DE. Pesquisa em Educação: Abordagens Qualitativas. São Paulo: EPU, 2008.
MANACORDA, M. A. História da educação: da antiguidade aos nossos dias. [s.l.] Cortez, 2002.
MASETTO, M. T. O Professor na Hora da Verdade: A prática docente no ensino superior. São Paulo: Avercamp, 2010.
MCDANIEL, C.; GATS, R. Pesquisa de Marketing. São Paulo: Pioneira, 2003.
MOORE, M. G. et al. Educacao a distancia uma visao integrada. Sao Paulo: Cengage Learning, 2007.
MORAN, J. M. Educação Inovadora na Sociedade da Informação. Disponível em: . Acesso em: 23 nov. 2010.
REIS, M. L. Relações entre a prática da educação a distância e a estrutura organizacional das universidades: processos de inovação e a tradição DOI: 10.5585/EccoS.v11i1.695. EccoS – Revista Científica, v. 11, n. 1, p. 265–280, 2009.
ROMANOWSKI, J. P. Avaliação da aprendizagem na educação a distância: análise da prática, para início de conversa DOI: 10.5585/EccoS.v10i2.1360. EccoS – Revista Científica, v. 10, n. 2, p. 283–306, 2008.
SEGENREICH, S. C. D. Desafios da educação à distância ao sistema de educação superior: novas reflexões sobre o papel da avaliação. Educar em Revista, n. 28, p. 161 – 177, 2006.
SOUZA, A. S. Pesquisa qualitativa em administração. Revista de Administração Contemporânea, v. 10, n. 3, 2006.
TORI, R. Educação sem distância: as tecnologias interativas na redução de distâncias em ensino e aprendizagem. São Paulo: Senac, 2010.
VERGARA, S. C. Estreitando relacionamentos na educação a distância. Cadernos EBAPE.BR, v. 5, n. spe, p. 1–8, 2007.
VERGARA, S. C. Content analysis as a qualitative data analysis technique in the field of administration: potentials and challenges. Revista de Administração Contemporânea, 2011.
VIEIRA, R. L. B.; FREITAS, K. S. DE. O SINAES na universidade pública estadual: análise do processo de construção da avaliação interna na Universidade do Estado da Bahia (UNEB). Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação, v. 18, p. 443–464, set. 2010.
WERTHEIN, J. A sociedade da informação e seus desafios. Ciência da Informação, v. 29, n. 2, p. 71–77, 2000.
Publicado
2015-12-16
Como Citar
LARUCCIA, Mauro Maia; MATIAS, Ana Maria Jansen. AVALIAÇÃO DA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA EM UM CURSO DE ADMINISTRAÇÃO CONTEMPORÂNEO. Augusto Guzzo Revista Acadêmica, São Paulo, v. 1, n. 15, p. 208-227, dec. 2015. ISSN 2316-3852. Disponível em: <https://fics.edu.br/index.php/augusto_guzzo/article/view/253>. Acesso em: 23 june 2021. doi: https://doi.org/10.22287/ag.v1i15.253.

Palavras-chave

TIC, EaD, Educação, Formação, Ensino-aprendizagem