ÉTICA COMO UM FATOR INTEGRANTE DA RESPONSABILIDADE SOCIAL EMPRESARIAL

  • Paulo Roberto Alves PUC-SP.
  • Tania Maia PUC-SP
  • Valério V Bonelli PUC-SP.

Resumo

O resgate ético é de grande importância nas negociações empresariais como forma de responsabilidade e cumprimento dos acordos. Este trabalho procura resgatar o sentido da Ética, trazendo para o mundo empresarial, propondo a inclusão do fator “ética” como um dos pilares essenciais para a sustentabilidade tão presente na contemporaneidade, e várias são atualmente as discussões a respeito da sustentabilidade, estendendo-se aos mais diversificados meios empresariais, inclusive como apelo mercadológico, utilizando-se dos slogans: “consumidores verdes”, “ecologicamente correto”, dentre outros, para atrair um número maior de consumidores através do discurso do “consumo consciente”. Porém, até que ponto a lógica do consumo, ou seja, sua ideologia consumista permite que este seja “sustentável”, “verde”, “consciente”?  

Biografia do Autor

##submission.authorWithAffiliation##
Doutor em Ciências Sociais e Professor na FEA – PUC-SP.
##submission.authorWithAffiliation##
Doutora em Ciências Sociais e Professora na FEA – PUC-SP.
##submission.authorWithAffiliation##
Doutor em Ciências Sociais e Professor na FEA – PUC-SP.

Referências

CARDOSO, Luís Antônio. O Conceito de racionalização no pensamento social de Max Weber: entre a ambigüidade e a dualidade. Teoria e Sociedade nº 16.1 – janeiro-junho de 2008

CAPPELLI, C. & LEITE, J.C.S.P. Transparência de processos organizacionais. II simpósio Internacional de Transparência nos Negócios. Disponível em: http://www.latec.uff.br/transparência/ documentos/anais_transparencia2/T6_0115_0129.pdf. Acesso em 20 de ago 2014.

CARDOSO, Carlos Cabral. Ética e Responsabilidade Social, in GOMES, Jorge F. S.,
REGO, Armênio. (coord.) Comportamento Organizacional e Gestão. Lisboa, Ed. RH, 2006,

CHERQUES, Hermano Roberto Thierry. Max Weber: o processo de racionalização e o desencantamento do trabalho nas organizações contemporâneas. Revista de Administração Pública. RAP. Rio de Janeiro 43(4): 897-918, jul./ago. 2009

FERNANDEZ, J.L.F., Ética para empresarios y directivos, Esic Editorial, Madrid, 1994,

FERRAZ, A. C. S. L., A responsabilidade social como estratégia empresarial de desenvolvimento. Dissertação apresentada ao Programa de Mestrado em Direito da Universidade de Marília, como exigência parcial para obtenção do grau de Mestre em Direito; Marília, 2007

NUNES, Cristina Brandão. A ética empresarial e os fundos socialmente responsáveis. Ed. Vida Econômica: Portugal, 2004, p.22.

REALE, Miguel. Lições Preliminares de Direito. 25. ed., São Paulo: Saraiva, 2000

SANTOS, H.D. O marketing de relacionamento para escritórios de advocacia. Disponível em http://www.boletimjuridico. com.br/doutrina/texto.asp?id=2037. Acesso em 30 abr. 2011.

SOUSA, Luiz Gonzaga de. Ética e Sociedade.Disponivel www.eumed.com.net, Acesso em 13.08.2014.

VÁSQUEZ, Sánchez A. Ética. ed. Trad. João Dell’Anna. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2003.

WEBER, Max. Ciência e Política. Duas Vocações. São Paulo: Martin Claret, 2002

WEBER, Max. Economia e Sociedade: fundamentos da sociologia compreensiva. Tradução de Regis Barbosa e Karen Elsabe Barbosa; Revisão técnica de Gabriel Cohn–Brasília, DR: Editora Universidade de Brasília: São Paulo: Imprensa Oficial do Estado de São Paulo, 1999.

WEBER. Max. A ética protestante e o espírito do capitalismo. Tradução de M. Irene Szmrecsányi e Tamás Szmrecsányi. São Paulo: Pioneira Thomson Learning, 2005.
Publicado
2015-12-16
Como Citar
ALVES, Paulo Roberto; MAIA, Tania; BONELLI, Valério V. ÉTICA COMO UM FATOR INTEGRANTE DA RESPONSABILIDADE SOCIAL EMPRESARIAL. Augusto Guzzo Revista Acadêmica, São Paulo, v. 1, n. 15, p. 189-201, dec. 2015. ISSN 2316-3852. Disponível em: <https://fics.edu.br/index.php/augusto_guzzo/article/view/266>. Acesso em: 27 sep. 2021. doi: https://doi.org/10.22287/ag.v1i15.266.

Palavras-chave

Desenvolvimento Sustentável; Sustentabilidade; Ética Empresarial.