As Inteligências Múltiplas: Uma Análise de Conteúdo de Pesquisa

  • Mauro Maia Laruccia
  • Sergio Roberto Cosmano

Resumo

Este artigo trata de uma análise dos aspectos cognitivos do pesquisador, a partir da teoria das inteligências múltiplas. Na teoria das inteligências múltiplas (IM) o conceito de inteligência é compreendida como uma capacidade geral, encontrada em graus variáveis em todos os indivíduos e implica na capacidade de resolver problemas ou elaborar produtos que são importantes em determinado ambiente ou comunidade cultural. Os diversos tipos de inteligências estão localizados em áreas distintas do cérebro e podem funcionar de modo independente ou em conjunto estas inteligências podem definir a espécie humana. Embora estas inteligências sejam até certo ponto independentes uma das outras, elas raramente funcionam isoladamente. Faz-se necessário o pesquisador ser um profissional com ampla visão e conhecimento da vida, seus aspectos cognitivos precisam ir além de um raciocínio lógico, que compreenda o ser humano os sentimentos, valores, crenças, e que administre bem suas emoções, buscando o autoconhecimento, além de ser sensível que tenha habilidade para enfrentar as mais profundas as questões humanas.

Biografia do Autor

Mauro Maia Laruccia

Professor Dr. Da Faculdade de Economia e Administração PUC/SP e Prof. Pesquisador do Grupo de Pesquisa e Iniciação Científica, Orientador da Oficina de Artigos das  Faculdades Integradas Campos Salles. Rua Nossa Senhora da Lapa, 284, São Paulo 05072-000, Brasil. E-mail: mauro.laruccia@gmail.com

Sergio Roberto Cosmano

Fundação Jorge Duprat Figueiredo de Segurança e Medicina do Trabalho. Rua Capote Valente, 710, São Paulo 05409-002, Brasil. E-mail: sergio.cosmano@fundacentro.gov.br

Publicado
2012-07-19
Como Citar
LARUCCIA, Mauro Maia; COSMANO, Sergio Roberto. As Inteligências Múltiplas: Uma Análise de Conteúdo de Pesquisa. Augusto Guzzo Revista Acadêmica, São Paulo, n. 9, p. 148-156, july 2012. ISSN 2316-3852. Disponível em: <https://fics.edu.br/index.php/augusto_guzzo/article/view/32>. Acesso em: 21 june 2021. doi: https://doi.org/10.22287/ag.v1i9.32.

Palavras-chave

Inteligências Múltiplas; Pesquisador; Aspectos cognitivos